site builder

Compromisso do Capelão

Solenemente, na presença de Deus e destas testemunhas, comprometo-me a: 

  1. Dedicar minha vida voluntária a serviço da humanidade; 
  2. Respeitar a dignidade e os direitos da pessoa humana; 
  3. Exercer a capelania com excelência e fidelidade; 
  4. Respeitar o ser humano desde a concepção até depois da morte; 
  5. Guardar os segredos que me forem confidenciados; 
  6. Não praticar atos que coloquem em risco a integridade física, psíquica ou espiritual de qualquer pessoa; 
  7. Atuar em unidade com CAPELANIA e com a equipe de capelães para a melhoria da qualidade da vida humana, em projetos sociais, eventos assistenciais ou respostas a emergências; 
  8. Promover e defender a unidade Cristã, independente da congregação ou denominação a qual estiver vinculado; 
  9. Defender a fé Cristã como meio de transformação do ser humano, através da verdade, da esperança e do amor; 
  10. Respeitar as autoridades instituídas em qualquer âmbito; 
  11. Amar a meu próximo como a mim mesmo; 
  12. Amar a Deus acima de todas as coisas. 


Assim me comprometo!

O propósito da CAPELANIA interdenominacional E internacional em seus treinamentos é cumprir um dos objetivos principais da instituição: capacitar voluntários para planejamento e execução de projetos e eventos elaborados em parcerias entre a Igreja Cristã e instituições públicas e privadas, a fim de que as ações sociais elaboradas pelos Capelães Voluntários sejam realizadas com excelência e atendam efetivamente seus propósitos, com bom testemunho cristão na sociedade.

Nossos versículos básicos nesta visão são:

“O meu povo está sendo destruído por falta de conhecimento.”

Oséias 4:6

Necessitamos buscar o conhecimento do alto!

“Conheçamos e prossigamos em conhecer ao Senhor.”

Oséias 6:3

Necessitamos continuamente busca o conhecimento de Deus!

“O cavalo prepara-se para a batalha, mas a vitória vem do Senhor.”

Provérbios 21:31

Por mais que nos preparamos precisamos entender que dependemos de

Deus em tudo o que fazemos!

DIFERENÇA ENTRE PASTOR E CAPELÃO

O trabalho de capelania está diretamente ligado a missões e evangelismo, em um ambiente fora do templo onde se realizam os cultos e comunhão daquelas pessoas que já tiveram suas vidas religadas a Deus por meio do espírito. A manutenção e continuidade do trabalho de restauração da estrutura humana são realizadas pela Igreja, através do líder daquelas pessoas, na pessoa do pastor, sendo este um instrumento essencial para a constante condução das vidas reestruturadas a Deus. Desta forma, a diferença entre o trabalho missionário ou evangelístico de capelania e o trabalho pastoral está mais ligada à natureza das funções do que propriamente da pessoa. Ou seja, o pastoreio ou capelania são funções que podem ser exercidas pela mesma pessoa. Assim, um pastor pode exercer a função de capelão e vice-versa. Entretanto, é indicado que a atuação em cada função não seja confundida. Por exemplo, ao atuar como capelão, em uma visita a um presídio ou hospital, o pastor apresente-se como capelão frente a instituição pública. As diferenças entre cada função podem ser observadas na Tabela 4 abaixo.

Diferenças entre Pastor e Capelão

Pastor Capelão

Cuidam de um rebanho, de um grupo que se reúne Cuida de indivíduos. Ministra com pessoas dentro em um local, composto por pessoas de diversos ou fora do templo em circunstâncias que níveis sociais, portadores de uma experiência necessitam preparo e cuidado especial. comum (conversão) e que se congregam para adorar a Deus e aprender sobre o ensino espiritual. Tem o objetivo é fazer crescer o rebanho neste Não realiza ensinos sistemáticos doutrinários. Não contexto, seguindo princípios doutrinários. efetua palestras de cunho formativo.

Administram a Igreja; alimentando o rebanho com Ministra a Palavra de Deus em situações de pregações da Palavra de Deus; defendem o tratamento individual. rebanho de ensinos errados; trata as feridas da alma e encoraja as pessoas. Preocupa-se em animar as pessoas a buscar Preocupa-se em salvar os perdidos e resgatá-los continuamente direção divina para suas vidas. para o convívio com a Igreja. Atende dificuldades e problemas relacionados ao Atende dificuldades relacionadas ao contexto dia à dia de suas congregações e membros. social dos necessitados. Frequentemente é Eventualmente faz visitações em lares e solicitado a atender casos de extrema atendimentos de aconselhamento pastoral. necessidade. Em muitos casos conta com o apoio financeiro dos Normalmente destina trabalho voluntário para a membros da congregação que pastoreia. realização das ações sociais.

 

CAPELANIA VOLUNTÁRIA

O termo Capelania Voluntária é composto por duas palavras com significado distinto e complementar. Iniciamos então pela definição de voluntariado e na sequência entenderemos o complemento do termo, voltado ao trabalho social realizado pela Igreja, que constitui a capelania.

  VOLUNTARIADO

 Voluntário é uma pessoa que, motivada por valores de solidariedade e participação, doa seu tempo, esforço e talento, de maneira espontânea e sem receber qualquer valor, por uma causa social e comunitária. A Organização das Nações Unidas (ONU) define o termo voluntário conforme exposto abaixo:  

  “Voluntário é aquele que, devido a seus interesses pessoais e seu espírito cívico, dedica parte de seu tempo sem receber qualquer valor. Qualquer pessoa pode ser voluntário, independente de sexo, nível social e idade, sendo fundamental ter boa vontade, responsabilidade e compromisso.”

  CAPELANIA

A capelania é um ministério espiritual que tem o objetivo de amparar aqueles que, por razões adversas, foram privados do convívio de suas famílias e estão fora da normalidade da convivência social. O trabalho de capelania voluntária representa a atuação com amparo legal da Igreja na sociedade e no estado. A Palavra de Deus nos ordena que devemos pregar em tempo e fora de tempo, a todas as nações. O Senhor está preparando pessoas, através da Capelania voluntária, para que possam ser úteis neste propósito. Além disso, ajudar ao necessitado sempre é gratificante. Estudos apontam que voluntários vivem mais tempo e de forma mais saudável!

LOCAIS DE ATUAÇÃO DO CAPELÃO

  Independentemente de onde se encontrar, o Capelão Voluntário deve estar pronto e disponível para ajudar aos necessitados em qualquer circunstância, nos mais diversos ambientes possíveis, tais como hospitais, prisões, escolas, universidades, asilos, orfanatos, quartéis militares, funerais, acidentes, catástrofes, inundações, áreas de risco, atendimento a famílias, etc.

QUEM NECESSITA DA CAPELANIA

Aquelas pessoas que estão enfermas em hospitais, retidas no cárcere, orfanatos, asilos, desabrigados nas ruas, em situações de emergência ou sofrendo algum tipo de trauma. Militares das forças armadas, policiais, médicos e enfermeiros de guarda, profissionais e voluntários em ações de emergência, e outros que estão cumprindo obrigações de seus serviços e se encontram fora da convivência familiar, podem estar submetidos a pressões psicológicas e estresse.

COMO SER UM BOM CAPELÃO VOLUNTÁRIO

Existem vários requisitos que devem ser considerados para que um capelão voluntário possa obter sucesso em suas ações. Algumas destas características dizem respeito ao ensino recebido na congregação que está vinculado e variam de acordo com a doutrina ensinada em cada denominação. Entretanto, é imprescindível que exista cobertura espiritual promovida pela autoridade pastoral, independente das questões doutrinarias, pois todos nós recebemos a vida de Deus também através do Corpo Vivo, a Igreja, onde estamos ligados, nas juntas e ligamentos. Serão descritas três condições básicas, aplicadas ao trabalho do capelão independente de onde esteja ligado.

Ser humilde: A possibilidade de o capelão poder ajudar a outros não dá direito a agir de modo a julga o comportamento alheio. Além disso, o capelão deve estar pronto a receber criticas a qualquer momento.

Seguir as regras: por mais gratificante e honrada que seja este trabalho, não desanimes se algumas instituições não reconhecem. O capelão deve submeter-se às regras institucionais. Se a porta não se abrir, não insista.

Pronto a aprender: As instituições públicas e privadas desenvolvem técnicas de gestão muito interessantes. Além de apoiar esses trabalhos, o capelão pode aprender novas atividades, sempre agindo com humildade.

ÁREAS DE CAPELANIAS

São diversas as áreas de atuação onde há necessidade de apoio do Capelão para ações sociais. Cada área com uma característica diferenciada, com técnicas de atuação específicas e com diferentes níveis de contato pessoal. Entretanto, todas as áreas se interligam de certa forma, sendo necessária, muitas vezes, a atuação de capelães áreas distintas para execução de um projeto social mais amplo.

Mobirise

Dr. Pr. Cel da Capelania Fatevap!

Temos o imenso prazer de apresentar em nossa instituição o Dr. Pr. Cel. Capelania Fatevap Francisco Muniz, o mesmo serve na Marinha do Brasil e faz parte de nossa instituição com louvor. Possui em suas atribuições formação Acadêmica  e Ministra Cursos, como também serve ao nosso Senhor Jesus como Pastor. 

Para saber mais sobre o nobre Capelão acesse aqui

Pastor e Capelão Machel Filomeno Campos!. É pastor na cidade de Quelimane - República de Moçambique - África - A FATEVAP, mantém suas bases de missões e evangelização através do amado pastor Machel, levando material de estudo aos nossos irmãos africanos. Contribua com nossa missão na África, fazendo seu depósito missionário diretamente com o Pastor Machel Filomeno Campos, nosso Presidente Continental na África.
Para saber mais sobre o nobre capelão Acesse aqui

Mobirise
Mobirise

Coronel da Fatevap em Teologia e Capelania! Faça como o Dr. Pr. Cel Capelão Paulo, representate da Fatevap em Jataí em Goiás. Todos os cursos da Fatevap são destinados para atuação em ações eclesiásticas, temos o compromisso com o reino de Deus. Mais que uma farda, amor ao próximo. acesse link : clique aqui

Capitão de Teologia e Capelania Fatevap! A Capelã Leticia é uma das capelãs desta grande obra de Deus. Desenvolvendo ações nos hospitais e asilos, tem levado conforto em ações humanitárias em diversas entidades civis e militares, temos orgulho de ter a capitão Leticia em nossas divisas. clique aqui

Mobirise
Mobirise

Coronel da Capelania Fatevap Marcos Flavio Pastre! Capelão Emérito em nossa instituição, tem contribuído para com a nossa instituição, é honrado na Região de Ribeirão Preto - SP tem em suas divisas honrarias e estas por sua vez bem aplicadas em prol da nossa comunidade eclesiástica. A Fatevap tem o prestígio e a honra de ter o amado Pastor em nosso quadro de divisas, como também a aliança que temos com o amado capelão em nossa instituição com honrarias. Dr. Pr. Helder Ricarsdo Silva Clique aqui

Capitão Mauro Luiz Pereira! Pastor Dirigente da Assembleia de Deus Ministério Visão de Águia com Matriz no Rio de Janeiro, contribui de forma excelente com a formação de obreiros na cidade de Juiz de Fora MG com a formação de novos obreiros com Excelência, nos honra muito ter em nossa instituição o amado Pastor. Clique aqui

Mobirise

Apostilas de Capelania e Teologia

Inscrição nos Cursos

Faça uma semana de aula teste no curso de bacharelado em teologia e tenha acesso a nossa plataforma. Preencha o formulário abaixo, em breve nossa secretaria estará cadastrando você em nossa sala de aula.

Mobirise
Escritório ADM

Rua Spezia, 67, Santa Paula
Jacareí - SP 

Contatos

Email: secretaria@fatevap.com.br                     
Tel.: +55 (12) 97410 2267 

Links

Aula Demonstrativa
Produtos de Capelania
Diplomação em Teologia